Tour de France – 20ª etapa – Annecy – Annecy-Semnoz

Último show dos escaladores

Dia de definição. Apesar de Froome, Quintana e Sagan terem praticamente garantido respectivamente as classficações geral, de jovens e de pontos, vários outros critérios estão em aberto. A curta etapa de apenas 125km parte de Annecy, às margens do lago de mesmo nome, e faz quase um circuito até à montanha de La Semnoz.

Annecy-Semnoz

O percurso

Hoje os ciclistas terão um perfil reverso e um pouco menos difícil que o de ontem, com montanhas menores no começo até o final na montanha fora de categoria de Annecy-Semnoz. Apesar de montanhas menores, a curta distância promete uma etapa explosiva, especialmente com 5 ciclistas separados por apenas 11 pontos nas montanhas e 71 pontos disponíveis hoje. A apenas 33km do início, o sprint intermediário fica em Le Châtelard.

  • Côte du Puget (cat-2, 5,4km, 5,9%)
  • Col de Leschaux (cat-3, 3,6km, 6,1%)
  • Côte d’Aillon-le-Vieux (cat-3, 3,4km, 6,9%)
  • Mont Revard (cat-1, 15,9km, 5,6%)
  • Annecy-Semnoz (sem categoria, 10,7km, 8,5%).

Perfil da 20ª etapa.

Apesar de relativamente curta, com “apenas” 10km, Annecy-Semnoz é bastante íngreme, com média de 8,5% e apenas um trecho de 1km abaixo de 8% nos últimos 9km.

Perfil de Annecy-Semnoz.

Como começou

Pierre Rolland (Europcar) foi o primeiro a atacar, de olho nos pontos das primeiras montanhas para ultrapassar Froome na classificação de montanhistas. Logo se juntam a ele Jens Voigt (RadioShack), Marcus Burghardt (BMC) e Juan Antonio Flecha (Vacansoleil), sendo seguidos por um grupo de 6 ciclistas. Logo a fuga na frente já abria mais de 1 minuto para o pelotão.

Na primeira montanha, Col du Puget, Rolland ficou com os pontos e virtualmente passando à frente de Chris Froome (Sky) entre os montanhistas. Pouco depois, as duas fugas se unem, com o pelotão a apenas 1:27. A Movistar assume a liderança do pelotão para controlar essa distância, seguida pela Sky e Saxo-Tinkoff. Nairo Quintana (Movistar) está bem colocado na classificação de montanhas e é interesse da equipe evitar que a fuga chegue até o final para o colombiano conquistar os pontos da chegada. Na montanha seguinte, Igor Anton (Euskaltel) passa à frente de Rolland e fica com 2 pontos contra 1 do francês. O espanhol trabalha para o companheiro Mikel Nieve, que assim como Quintana está de olho nas montanhas do final da etapa.

Juan Antonio Flecha (Vacansoleil) vence o sprint intermediário na fuga, com André Greipel (Lotto), Mark Cavendish (Omega) e Peter Sagan (Cannondale) liderando o pelotão. Sagan começou a etapa com uma mais que confortável vantagem de 102 pontos para Cavendish e só precisa se preocupar em terminar as duas etapas restantes para conquistar sua segunda Maillot Vert. A 82km do fim, a Movistar mantinha a diferença a pouco menos de 1 minuto.

Col d’Aillon-le-Vieux, terceira montanha do dia, deu mais 2 pontos para Pierre Rolland e 1 ponto para Christophe Riblon (Ag2R). Na montanha seguinte, Col des Prés, Rolland partiu para o sprint e venceu novamente, mas praticamente empurrou Anton para o público, forçando o espanhol a frear para evitar um acidente. Apesar disso, a direção não aplicou nenhuma punição e Rolland ficou com os 2 pontos.

Grandes montanhas e o dia de Voigt

Na metade da etapa, a fuga começa a escalar o Mont Revard, de categoria 1, com o pelotão ainda 1:00 atrás. Voigt aumenta o ritmo e Rolland é um dos que ficam para trás, junto com Anton. Cyril Gautier (Europcar) então volta para ajudar Rolland. No pelotão, a dupla da BMC, Tejay Van Garderen e Philippe Gilbert, atacam. Pouco depois, Voigt deixou todos da fuga para trás e seguiu sozinho na frente, abrindo 1:50 do pelotão e cerca de 40 segundos do grupo de Rolland. Aos 56km do fim, Van Garderen e Gilbert alcançam o grupo de Rolland, que também tinha Marcus Burghardt da BMC, a 1:20 de Voigt. O alemão de 41 anos conquista o Mont Revard com pouco mais de 3 minutos para o pelotão. Anton foi o segundo, se aproximando um pouco de Voigt a 38 segundos mas vindo a ser alcançado pela fuga pouco depois. Após essa montanha, Rolland tinha uma vantagem virtual de 15 pontos para Froome na classificação de montanhas. Com 50 pontos na última montanha, a disputa ainda estava bastante aberta.

Durante a longa descida até Montcel, a 31km do final, Roman Kreuziger (Saxo-Tinkoff), 4º na geral, fura o pneu pela segunda vez na etapa e fica para trás. A Saxo então mandou 2 atletas para ajudá-lo a voltar para o pelotão. A 28km do fim, o pelotão começava a reduzir a diferença para Voigt, agora em 3:04. O grupo de Rolland/Anton/Van Garderen seguia a 1:50. A 20km do fim, Voigt ainda lutava, mantendo a diferença pouco abaixo dos 3:00.

Annecy-Semnoz

Já próximo do começo da montanha, a Sky passa à frente do pelotão para proteger Froome das divisórias que aparecem na pista, a 2 minutos de Voigt. A fuga começa a se desmanchar e à medida que alguns atletas são alcançados pelo pelotão os carros que acompanhavam a fuga param, atrapalhando o pelotão e abrindo alguns espaços, que logo são fechados. No começo da montanha, o forte ritmo da Sky havia pulverizado a diferença para 1:13. O principal adversário de Quintana, Michal Kwiatkowski (Omega), já ia ficando para trás. Na fuga, Rolland, Van Garderen e um atleta da Sojasun foram os últimos a serem alcançados pelo grupo de Froome, liderado por Rui Costa (Movistar). O ritmo do portugues diminui o grupo de Froome para pouco mais de 10 ciclistas apenas 1km depois do começo da montanha, incluindo Richie Porte (Sky), Froome, Quintana, Alberto Contador e Kreuziguer (Saxo-Tinkoff), Valverde, Joaquim Rodriguez (Katusha) e outros. Bauke Mollema (Belkin) e Jakob Fuglsang (Astana) eram alguns dos que não conseguiam acompanhar. Rui Costa fica e Valverde assume o ritmo, que Kreuziger tem dificuldade para acompanhar e também fica para trás.

A 8,5km do fim, Voigt finalmente é alcançado, com Porte assumindo a frente do grupo por uns instantes. Rodriguez logo ataca, seguido por Quintana. Froome lança um ataque impressionante e passa facilmente pelos dois, mas é alcançado por eles pouco depois. Contador, Valverde e Porte ficam sem resposta para os dois ataques. Os três líderes então seguem à frente, com Purito fazendo a maior parte do trabalho. A 5,4km, Contador perdia 47 segundos para os líderes. O espanhol havia sido alcançado por Kreuziger, que ditava o ritmo com Porte “descansando” atrás. Valverde seguia 38 segundos atrás de Froome.

Nos últimos 4km, Rodriguez ainda ditava o ritmo para se distanciar de Contador e garantir um lugar no pódio. Entre Froome e Quintana, quem ganhasse a etapa levaria a classificação das montanhas. 3km para o fim e o grupo de Froome já abria mais de 1:30 para Contador. Alguns torcedores mais exaltados se aproximam demais de Froome e levaram um merecido tapa do britânico para abrir caminho. Mais atrás, Andrew Talansky (Garmin) alcança o grupo de Contador de olho na classificação geral. Dentro da marca de 2km para a chegada os líderes têm a rápida companhia de um Chewbacca…

Entrando no quilômetro final, Froome ataca, com Quintana respondendo. Quando os três de juntam novamente, Quintana ataca e abre uma ótima vantagem, sem resposta de Froome e Rodriguez, enquanto Contador perdia 2 minutos. Joaquim “Purito” Rodriguez então atacou, abrindo de Froome, que parecia se conformar com o 3º lugar. Quintana olha para trás, abre um discreto sorriso e vence a penúltima etapa do Tour 2013, garantindo a camisa branca dos jovens e a camisa de bolinhas dos escaladores.

Rodriguez chega em 2º, a 18 segundos de Quintana. Froome passa 11 segundos depois. Valverde chega em 4º, a 1:42, com Richie Porte chegando em 5º após atacar e se distanciar de Contador, chegando a 2:17.

Tweets do Dia

Resultados

Nairo Quintana sai dessa etapa como o grande vencedor do dia. Além da etapa, conquistou a classificação entre os jovens e a classificação de montanhas, repetindo o feito dos compatriotas Mauricio Soler em 2007 e Santiago Botero em 2000, quando ganharam a camisa de bolinhas nas suas primeiras participações no Tour. Joaquim Rodriguez também conseguiu uma recuperação incrível, garantindo um lugar no pódio em Paris. Andrew Talansky foi outro que cresceu na última semana, conseguindo ficar entre os 10 primeiros na classificação geral e desbancar Michal Kwiatkowski para o 2º lugar entre os jovens.

Classificação da etapa

  1. Nairo Alexander Quintana Rojas (Col) Movistar Team    3:39:04
  2. Joaquim Rodriguez Oliver (Spa) Katusha    00:00:18
  3. Christopher Froome (GBr) Sky Procycling    00:00:29
  4. Alejandro Valverde Belmonte (Spa) Movistar Team    00:01:42
  5. Richie Porte (Aus) Sky Procycling    00:02:17
  6. Andrew Talansky (USA) Garmin-Sharp    00:02:27
  7. Alberto Contador Velasco (Spa) Team Saxo-Tinkoff    00:02:28
  8. John Gadret (Fra) AG2R La Mondiale    00:02:48
  9. Jesus Hernandez Blazquez (Spa) Team Saxo-Tinkoff    00:02:55
  10. Roman Kreuziger (Cze) Team Saxo-Tinkoff

Classificação geral

  1. Christopher Froome (GBr) Sky Procycling    80:49:33
  2. Nairo Alexander Quintana Rojas (Col) Movistar Team    00:05:03
  3. Joaquim Rodriguez Oliver (Spa) Katusha    00:05:47
  4. Alberto Contador Velasco (Spa) Team Saxo-Tinkoff    00:07:10
  5. Roman Kreuziger (Cze) Team Saxo-Tinkoff    00:08:10
  6. Bauke Mollema (Ned) Belkin Pro Cycling Team    00:12:25
  7. Jakob Fuglsang (Den) Astana Pro Team    00:13:00
  8. Alejandro Valverde Belmonte (Spa) Movistar Team     00:16:09
  9. Daniel Navarro Garcia (Spa) Cofidis, Solutions Credits    00:16:35
  10. Andrew Talansky (USA) Garmin-Sharp    00:18:22

Classificação por pontos

  1. Peter Sagan (Svk) Cannondale Pro Cycling    383
  2. Mark Cavendish (GBr) Omega Pharma-Quick Step    282
  3. André Greipel (Ger) Lotto Belisol    232
  4. Marcel Kittel (Ger) Team Argos-Shimano    177
  5. Alexander Kristoff (Nor) Katusha    157
  6. Jose Joaquin Rojas Gil (Spa) Movistar Team    156
  7. Juan Antonio Flecha Giannoni (Spa) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team    143
  8. Michal Kwiatkowski (Pol) Omega Pharma-Quick Step    110
  9. Christopher Froome (GBr) Sky Procycling    107
  10. Christophe Riblon (Fra) AG2R La Mondiale    104

Classsificação de montanhas

  1. Nairo Alexander Quintana Rojas (Col) Movistar Team    147
  2. Christopher Froome (GBr) Sky Procycling    136
  3. Pierre Rolland (Fra) Team Europcar    119
  4. Joaquim Rodriguez Oliver (Spa) Katusha    99
  5. Christophe Riblon (Fra) AG2R La Mondiale    98
  6. Mikel Nieve Ituralde (Spa) Euskaltel-Euskadi    98
  7. Moreno Moser (Ita) Cannondale Pro Cycling    72
  8. Richie Porte (Aus) Sky Procycling    72
  9. Ryder Hesjedal (Can) Garmin-Sharp    64
  10. Tejay van Garderen (USA) BMC Racing Team    63

Classificação dos jovens

  1. Nairo Alexander Quintana Rojas (Col) Movistar Team    80:54:36
  2. Andrew Talansky (USA) Garmin-Sharp    00:13:19
  3. Michal Kwiatkowski (Pol) Omega Pharma-Quick Step    00:14:39
  4. Romain Bardet (Fra) AG2R La Mondiale    00:22:22
  5. Tom Dumoulin (Ned) Team Argos-Shimano    01:30:10

Classificação das equipes

  1. Team Saxo-Tinkoff    241:52:05
  2. Ag2R La Mondiale    00:08:30
  3. RadioShack Leopard    00:08:52
  4. Movistar Team    00:22:45
  5. Belkin Pro Cycling    00:38:26

Ciclista mais combativo: Jens Voigt (Ger) RadioShack Leopard

Próxima etapa

Dia de despedidas. A caravana do Tour segue para Paris, percorrendo 133km entre Versailles e a cidade luz, com a etapa acontecendo ao anoitecer. Com todas as classificações praticamente definidas, hora de comemorar essa edição e curtir a última batalha entre Sagan, Greipel, Cavendish e Kittel.

Perfil da 21ª etapa.

2 comentários sobre “Tour de France – 20ª etapa – Annecy – Annecy-Semnoz

  1. Pingback: Tour de France – 21ª etapa – Versailles – Champs-Élysées | Ciclocoisas

  2. Pingback: Tour de France 2013 – Conclusão | Ciclocoisas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s