Tour de France – 11ª etapa – Avranches – Mont-Saint-Michel

33km de sofrimento

A etapa de hoje foi um contra-relógio de 33km entre Avranches e Mont-Saint-Michel. De acordo com a lenda, em 708 Aubert, bispo de Avranches, recebeu uma ordem do arcanjo Miguel para construir um oratório no Monte Tombe, que originou o atual monastério. Hoje, Mont-Saint-Michel é um dos pontos turísticos mais visitados da França. Em 1990, foi sede de uma etapa que partiu de Nantes, terminando em um sprint vencido por Johan Museeuw.

Como leitura adicional sobre a etapa, o jornal francês L’Equipe preparou uma ótima matéria com vídeos, fotos e gráficos sobre a história do contra-relógio no Tour de France.

Mont-Saint-Michel

Percurso

O trajeto é bastante plano, com algumas ondulações na primeira metade. No começo os ciclistas também serão ajudados por um vento a favor. Os escaladores fracos podem usar essa parte  para diminuir as perdas da segunda parte, onde não terão nenhuma proteção contra o vento lateral. Nos últimos km, chegando a Mont-Saint-Michel, os ciclistas viram para o norte, lutando dessa vez contra o forte vento frontal.

Perfil da 11ª etapa.

Primeiros corredores

O primeiro ciclista a sair foi Dimitriy Muravyev (Astana), último colocado na classificação geral. Logo depois veio um dos possíveis favoritos que Mikkel Condé, do blog C-Cycling, sugeriu em sua prévia da etapa: Svein Tuft (Orica). O canadense, que aos 36 é um dos novatos no Tour, de certa forma “descansou” na maioria das etapas, chegando sempre abaixo da 150ª colocação, exceto na 9ª, onde foi 121º. Na etapa de contra-relógio por equipes foi uma peça fundamental para a Orica-Greenedge conquistar a etapa e a camisa amarela para Simon Gerrans. Ao completar, Tuft marcou o primeiro tempo que serviria de referência para os outros ciclistas: 38:04.

Thomas De Gendt (Vacansoleil), fez uma bela prova e marcou um tempo 34s mais rápido que Tuft, assumindo a liderança provisória. Logo depois, o grande favorito para a prova, Tony Martin, campeão mundial de contra-relógio individual, então destruiu o tempo de De Gendt e Tuft, marcando 36:29. 1 minuto e 1 segundo mais rápido que De Gendt. Velocidade média do alemão: 54,27km/h.

Durante sua participação na etapa, Mark Cavendish (Omega) teve a infelicidade de ser atingindo por urina arremessada por um torcedor. Richie Porte (Sky), consegue com 37:50 o provisório 3º tempo, atrás de Martin e De Gendt.

Favoritos na classificação geral

Cadel Evans (BMC), que esperava uma classificação forte, terminou 2:30 atrás de Martin. Andy Schleck (RadioShack) ficou a enormes 4:44 do líder. Michal Kwiatkowski (Omega), que disputa a classificação de jovens, fez um ótimo tempo de 38:00, que o colocava em 4º lugar. Seu adversário Nairo Quintana (Movistar) teve um dia complicado, ficando fora dos 50 melhores na 2ª parcial. Enquanto isso, um impressionante Froome era mais rápido que Martin na 1ª parcial. Na 2ª parcial, Contador era apenas o 11º. Joaquim Rodriguez (Katusha) terminou a 3:29 de Martin.

Daniel Martin (Garmin), vencedor da 9ª etapa e até então 8º colocado na geral, fechou em 50º com 40:05. Quintana completa com 39:57 e perde a Maillot Blanc para Kwiatkowski. Contador fecha com 38:44 e deve perder muito tempo para Froome, que vinha muito forte até o final. Alejandro Valverde (Movistar), que começou como 2º na geral, consegue minimizar os danos e evita que Bauke Mollema (Belkin) o últrapasse. Nos últimos km, Froome perde um pouco e fecha a prova a apenas 12 segundos do vencedor Tony Martin, que estava muito apreensivo com os tempos das parciais de Froome.

Tweets do dia

Resultados

O grande vencedor do dia foi Chris Froome, colocando 2 minutos ou mais em todos os favoritos na classificação geral, ampliando sua vantagem. Na classificação por pontos, entre os 10 melhores apenas Kwiatkowski ganha alguns pontos. Como não tivemos montanhas, Rolland continua com a camisa de bolinhas.

Classificação da etapa

  1. Tony Martin (Ger) Omega Pharma-Quick Step    00:36:29
  2. Christopher Froome (GBr) Sky Procycling    00:00:12
  3. Thomas De Gendt (Bel) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team    00:01:01
  4. Richie Porte (Aus) Sky Procycling    00:01:21
  5. Michal Kwiatkowski (Pol) Omega Pharma-Quick Step    00:01:31
  6. Svein Tuft (Can) Orica-GreenEdge    00:01:35
  7. Sylvain Chavanel (Fra) Omega Pharma-Quick Step    00:01:37
  8. Jérémy Roy (Fra) FDJ.fr    00:01:43
  9. Tom Dumoulin (Ned) Team Argos-Shimano    00:01:45
  10. Jonathan Castroviejo Nicolas (Spa) Movistar Team    00:01:52

Classificação geral

  1. Christopher Froome (GBr) Sky Procycling    42:29:24
  2. Alejandro Valverde Belmonte (Spa) Movistar Team    00:03:25
  3. Bauke Mollema (Ned) Belkin Pro Cycling Team    00:03:37
  4. Alberto Contador Velasco (Spa) Team Saxo-Tinkoff    00:03:54
  5. Roman Kreuziger (Cze) Team Saxo-Tinkoff    00:03:57
  6. Laurens Ten Dam (Ned) Belkin Pro Cycling Team    00:04:10
  7. Michal Kwiatkowski (Pol) Omega Pharma-Quick Step    00:04:44
  8. Nairo Alexander Quintana Rojas (Col) Movistar Team    00:05:18
  9. Rui Alberto Faria Da Costa (Por) Movistar Team    00:05:37
  10. Jean-Christophe Peraud (Fra) AG2R La Mondiale    00:05:39

Classificação por pontos

  1. Peter Sagan (Svk) Cannondale Pro Cycling    269pts
  2. André Greipel (Ger) Lotto Belisol    186
  3. Mark Cavendish (GBr) Omega Pharma-Quick Step    166
  4. Marcel Kittel (Ger) Team Argos-Shimano    132
  5. Alexander Kristoff (Nor) Katusha    131
  6. Michal Kwiatkowski (Pol) Omega Pharma-Quick Step    101
  7. Edvald Boasson Hagen (Nor) Sky Procycling    88
  8. Danny van Poppel (Ned) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team    87
  9. Juan Antonio Flecha Giannoni (Spa) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team    84
  10. Jose Joaquin Rojas Gil (Spa) Movistar Team    80

Classificação de montanhas

  1. Pierre Rolland (Fra) Team Europcar    49
  2. Christopher Froome (GBr) Sky Procycling    33
  3. Richie Porte (Aus) Sky Procycling    28
  4. Nairo Alexander Quintana Rojas (Col) Movistar Team    26
  5. Mikel Nieve Ituralde (Spa) Euskaltel-Euskadi    21
  6. Alejandro Valverde Belmonte (Spa) Movistar Team    20
  7. Simon Clarke (Aus) Orica-GreenEdge    15
  8. Thomas De Gendt (Bel) Vacansoleil-DCM Pro Cycling Team    14
  9. Peter Kennaugh (GBr) Sky Procycling    14
  10. Daniel Martin (Irl) Garmin-Sharp    13

Classificação dos jovens

  1. Michal Kwiatkowski (Pol) Omega Pharma-Quick Step    42:34:08
  2. Nairo Alexander Quintana Rojas (Col) Movistar Team    00:00:34
  3. Romain Bardet (Fra) AG2R La Mondiale    00:06:53
  4. Andrew Talansky (USA) Garmin-Sharp    00:08:27
  5. Thibaut Pinot (Fra) FDJ.fr    00:31:43

Classificação por equipes

  1. Movistar Team    126:47:47
  2. Team Saxo-Tinkoff    00:04:34
  3. Belkin Pro Cycling    00:06:06
  4. Ag2R La Mondiale    00:11:53
  5. RadioShack Leopard    00:16:03

Próxima etapa

Amanhã, uma plana etapa de 218km entre Fougères e Tours. Novamente os times dos sprinters devem manter o controle para conseguir o máximo de pontos numa chegada em massa, uma vez que é a antepenúltima etapa plana. Com poucos pontos a disputar, fica cada vez mais fácil para Peter Sagan manter a Maillot Vert.

Perfil da 12ª etapa.

Um comentário sobre “Tour de France – 11ª etapa – Avranches – Mont-Saint-Michel

  1. Pingback: Tour de France 2013 – Conclusão | Ciclocoisas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s